Eficácia e segurança dos tratamentos

Embora a maioria das terapêuticas contra a doença não esteja indicada na gravidez, atualmente já existem fármacos que permitem um planeamento da gravidez.

O diagnóstico de EM já não é, de todo, impeditivo da vontade de ter um filho. De qualquer forma, qualquer casal que pense ter filhos deverá planear previamente a gravidez, discutir essa decisão e consultar o seu médico.

X